OK

Copyright TodoDia Online. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização por escrito do TodoDia Online.

Close

PT só deve definir candidato em agosto

Eleições

06/07/2018-22:00:42 Atualizado em 06/07/2018-21:55:11

Apesar da apreensão provocada pelo calendário eleitoral, o PT decidiu manter a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva até o dia 15 de agosto, enterrando publicamente, ao menos até lá, as discussões sobre quem disputará pelo partido, de fato, a Presidência da República.
Em reunião da executiva nacional da legenda, a cúpula do petista decidiu fazer uma mobilização neste dia para registrar a candidatura de Lula, preso em Curitiba desde 7 de abril.
Ao final do encontro, a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, leu uma carta em que o ex-presidente critica o que chamou de "manobras" do Judiciário.
"Já não há razões para acreditar que terei Justiça", disse Lula no texto. Ele voltou a dizer, no documento lido pela senadora, que não cometeu crime e que, se não querem que ele seja presidente, "a forma mais simples de o conseguir é ter a coragem de praticar a democracia e me derrotar nas urnas".
"Desafio meus acusadores a apresentar esta prova até o dia 15 de agosto deste ano, quando minha candidatura será registrada na Justiça Eleitoral", encerrou. | FOLHAPRESS