OK

Copyright TodoDia Online. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização por escrito do TodoDia Online.

Close

Juiz manda Angelina Jolie liberar acesso de Brad Pitt aos filhos

Cultura e Entretenimento

13/06/2018-19:39:53 Atualizado em 13/06/2018-19:31:21
Divulgação
SEPARADOS | Angelina Jolie e Brad Pitt discutem guarda dos filhos

Uma decisão judicial ordenou que Angelina Jolie permita as visitas do ex-marido Brad Pitt aos seis filhos do casal. A informação é do site americano TMZ, que diz que a atriz pode perder a guarda das crianças caso desobedeça a determinação.
A publicação cita um relatório em que o juiz aponta como "prejudicial" as restrições impostas por Jolie. O magistrado teria, inclusive, estabelecido regras para que Pitt possa ligar e mandar mensagens à vontade, sem que a ex-mulher as monitore.
O mesmo documento também detalha um novo cronograma de visitas para os próximos dois meses. O ator terá, inicialmente, dez dias de visita às crianças em Londres, onde estão morando com a mãe, ficando com uma ou duas delas de cada vez por quatro horas diárias.
O tempo das visitas deverá aumentar, até que, no final de julho, Pitt poderá ficar com eles em Los Angeles, por cerca de uma semana. Apenas o filho mais velho, Maddox, que tem 16 anos, poderá decidir quanto tempo quer passar com o pai, aponta o site.
Chamados na internet pelo apelido de Brangelina, Jolie e Pitt se conheceram durante as filmagens do longa de ação "Sr. e Sra. Smith", em 2003, e começaram a namorar no ano seguinte. Juntos, eles tiveram seis filhos: três adotados (Maddox, Pax e Zahara) e três biológicos (Shiloh e os gêmeos Knox León e Vivienne).
Jolie entrou com o pedido de divórcio em setembro de 2016, quando pediu a guarda dos filhos. A imprensa internacional apontou na época que a separação foi motivada pelo comportamento de Pitt, que teria abusado verbal e fisicamente do filho mais velho do casal durante uma viagem de avião.
As novas visitas do ator às crianças, em Londres, deverão ser acompanhadas por uma psicóloga infantil, segundo a decisão da Justiça. Já no período em que os menores estiverem em Los Angeles com o pai, Jolie poderá fazer apenas uma ligação telefônica por dia.