OK

Copyright TodoDia Online. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização por escrito do TodoDia Online.

Close

Moro levanta sigilo de decisão em que protege delatores

Brasil e Mundo

13/06/2018-19:53:15 Atualizado em 13/06/2018-19:45:09

O juiz Sergio Moro levantou o sigilo do processo em que proibiu órgãos de controle de usar informações obtidas pela Operação Lava Jato contra empresas e delatores que colaboram com os procuradores à frente das investigações.
Responsável pelas ações da Lava Jato em Curitiba, o juiz afirmou ontem que reviu os autos do processo e concluiu que o sigilo que decretara anteriormente era desnecessário.
Assinado em 2 de abril, o despacho atingiu o Tribunal de Contas da União e cinco órgãos do governo federal, AGU (Advocacia-Geral da União), CGU (Controladoria-Geral da União), Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), Banco Central e Receita Federal. Cópias do despacho foram encaminhadas pelo Ministério Público Federal aos órgãos afetados em maio, sempre sob sigilo. Moro não só proibiu o uso das informações da Lava Jato em ações contra colaboradores como condicionou à sua autorização o prosseguimento de medidas que já tenham sido tomadas com base em documentos enviados pelos procuradores da força-tarefa. | FOLHAPRESS