OK

Copyright TodoDia Online. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização por escrito do TodoDia Online.

Close

Dalben e a água

A sua opinião

Pedro Benedito Maciel Neto | Advogado e secretário de Comunicação Social - 24/04/2018-22:41:00 Atualizado em 24/04/2018-22:52:01

O prefeito de Sumaré, Luiz Dalben, vem buscando soluções em relação ao imbróglio de uma concessão confusa, cuja legalidade está sob os cuidados do Judiciário. O prefeito tem compartilhado sua inquietação com a questão da demanda mundial por água, a qual tem aumentado, em média, 1% ao ano, principalmente nos países emergentes como é o Brasil.
Sumaré tem problemas históricos com água, tratamento de esgoto e a concessionária não tem trazido soluções responsáveis. Mas Dalben pensa na questão da água de forma ampla, por isso traz o debate e nele a preocupação sobre o futuro e as mudanças do clima que ameaçam deixar 3,6 bilhões de pessoas em situação de escassez de água no mundo - e os efeitos para Sumaré.
Por que? Porque a maior parte das atividades humanas que usam água produzem águas residuais, mas o planejamento e a gestão do reuso ainda é pouco explorado.
O prefeito quer ver Sumaré mudar isso, especialmente porque estudo recente da Unesco mostra que 70% das águas residuais urbanas e industriais, em média, são tratadas nos países de renda alta. Essa proporção cai para 38% nos países de renda média-alta, para 28% nos países de renda média-baixa e para apenas 8% nos de renda baixa. Sumaré precisa enfrentar essa realidade e propor responsavelmente um caminho.
E há outros aspectos, não menos importantes. Pouco menos de 60% da população brasileira tem acesso ao esgotamento sanitário e a concessionária de serviços de água e esgoto da cidade, ou a outra empresa clandestina, não demonstra qualquer preocupação com esses aspectos.
A questão da água está intrinsecamente ligada à conservação da natureza e a disponibilidade de recursos hídricos, tanto que especialistas defendem a proteção dos ecossistemas para a preservação do ciclo da água. Luiz Dalben está atendo a isso tudo e conta com a compreensão e participação de toda a população.