OK
Close

Romu é criada para dar apoio às ações ostensivas

Jaguariúna 63 anos

DA REDAÇÃO JAGUARIÚNA | 11/09/2017-23:08:14 Atualizado em 11/09/2017-23:44:15
Divulgação | Prefeitura de Jaguariúna
ROMU | Apoio às ações ostensivas realizadas pelas polícias

Desde março deste ano Jaguariúna conta a Romu (Ronda Ostensiva Municipal), unidade que faz parte da estrutura da GCM (Guarda Civil Municipal). Um dos principais objetivos do grupo é dar apoio às ações ostensivas realizadas pela Polícia Civil e pela PM (Polícia Militar) no combate à criminalidade no município.
Segundo a Prefeitura de Jaguariúna, o grupo tem efetivo de 12 GMs e base operacional no Parque Santa Maria. A corporação também recebeu duas novas viaturas, que foram incorporadas à Romu.
A Romu utiliza armamento que inclui armas longas (carabinas), sendo algumas de grosso calibre, escudos, munição não letal (balas de borracha) e todo o aparato para ação em casos de distúrbios e operações ostensivas, semelhantes aos utilizados pelas Tropas de Choque. "Podemos atuar ainda em ações coordenadas pelas Polícias Civil e Militar que envolvam combate ao tráfico de drogas, apreensão de armas e também em apoio ao Ministério Público (MP) em questões como mandados de busca e apreensão", explicou o Inspetor Araújo.
PROTEÇÃO À MULHER
O Setor de Proteção à Mulher será inaugurado nesta quinta-feira (14) em Jaguariúna. Na prática, o setor funcionária em uma sala na delegacia municipal com guardar femininas, feitas com o objetivo de atender mulheres vítimas de violência.
Essa não é a primeira ação voltada para os direitos da mulheres que é colocada em prática na cidade. Antes, houve a implantação do grupo de Proteção à Mulher na própria Guarda Municipal.
Trata-se de uma equipe de guardas femininas capacitadas para atender ocorrências de violência contra a mulher e aplicar a fiscalização da Lei Maria da Penha.