OK
Close

REPRESAS CHEIAS

Fogo Cruzado

29/07/2017-20:07:17 Atualizado em 29/07/2017-20:07:08

O prefeito de Nova Odessa, Benjamim Bill Vieira de Souza (PSDB), visitou anteontem as represas da cidade para checar a situação dos reservatórios após 44 dias sem chuvas. De acordo com o prefeito, apesar da estiagem, as represas estão com 85% de sua capacidade. O nível de água, diz é resultado de ações como desassoreamento, preservação e recuperação de matas e nascentes, iniciadas em 2014 por sua gestão.
DE OLHO
O prefeito, porém, alertou para a necessidade de consumo consciente, apesar da situação razoavelmente confortável de Nova Odessa. "Não que isso signifique que podemos gastar água à toa, mas estamos distantes da situação de restrição de abastecimento que vivemos em 2014", escreveu Bill em sua página no Facebook.
CASAS
O prefeito de Monte Mor, Thiago Assis (PMDB), anunciou em seu Facebook que a solenidade oficial de entrega de 300 apartamentos do Minha Casa Minha Vida no Condomínio Pitangueiras será realizada quarta-feira. De acordo com Assis, o governador Geraldo Alckmin deve participar da entrega. O evento começa meio-dia.
SEMÁFOROS
O vereador Claudio José Schooder, o Leitinho (PDT), de Nova Odessa, anunciou que está recebendo várias reclamações de pessoas que não conseguem atravessar a Avenida Ampelio Gazzetta perto do supermercado Pague Menos, por causa de semáforos desligados. "A obra milionária do corredor metropolitano nem os semáforos consegue colocar para funcionar parece brincadeira", escreveu o vereador em seu perfil no Facebook. Leitinho disse que está fazendo pedido ao encarregado do Setor de Trânsito para que disponibilize agentes de trânsito nos cruzamentos no horário de pico para evitar acidentes.
PERDEU A CALMA
Às vésperas do dia em que pela primeira vez a Câmara vai analisar uma denúncia contra um presidente da República, Michel Temer teve raro rompante raivoso. Diante de poucos aliados - em meio à exaustiva contagem de votos para a sessão marcada para quarta (2) -, fez desabafo acalorado ao falar da delação que o alçou à condição de denunciado: "Essa gente é canalhada", disse, segundo pessoas próximas. Referia-se aos irmãos Joesley e Wesley Batista, cuja colaboração premiada fez com que o procurador-geral, Rodrigo Janot, apresentasse contra ele a inédita denúncia por corrupção passiva.
SÓ COM ELES
Amigos garantem que é somente quando trata dos empresários ou de Janot que o presidente perde a calma que lhe é habitual. De resto, afirmam, tem trabalhado para garantir pelo menos 250 dos 513 votos em plenário para impedir que a denúncia contra ele chegue ao Supremo. O discurso de Temer, considerado otimista demais até por assessores próximos, é de que, se alcançar esse número, seu governo ganha força para votar a reforma da Previdência até o fim de agosto.