OK
Close

Após Carlão ser anunciado por bancada, Aécio se licencia e Tasso assume o PSDB

Brasil e Mundo

da redação/Folhapress | 19/05/2017-10:43:54 Atualizado em 19/05/2017-10:44:30
Divulgação|Site oficial do PSDB
Tasso foi indicado por Aécio e assume o cargo interinamente

Após Carlão, o deputado Carlos Sampaio, de Campinas, ser anunciado pela bancada para assumir a presidência do partido, Aécio Neves se licenciou do cargo no fim da tarde de ontem e indiciou o senador Tasso Jereissati, do Ceará, para ser o novo presidente do PSDB.
Tasso assume interinamente, conforme divulgado no site do partido. Segundo o site do PSDB, Tasso Jereissati tem 68 anos e já ocupou o cargo como titular em outras duas ocasiões – de 1991 a 1993 e de 2005 a 2007.
"A partir de agora, minha única prioridade será preparar minha defesa e provar o absurdo dessas acusações e o equívoco dessas medidas", disse Aécio por meio de nota.
A bancada do partido na Câmara chegou a anunciar, mais cedo, que Carlão ocuparia o cargo interinamente. "Depois de ouvir inúmeros companheiros e seguindo o que determina o nosso Estatuto, estou apresentando à Executiva o nome do senador Tasso Jereissati para assumir nessa interinidade a presidência do partido", escreveu.
Aécio foi alvo, nesta quinta, de mandados de busca e apreensão e de um pedido de prisão, este último negado pelo STF (Supremo Tribunal Federal).  "Me dedicarei diuturnamente a provar a minha inocência e de meus familiares para resgatar a honra e a dignidade que construí ao longo de meus mais de trinta anos de vida dedicada à política", disse, em nota.

Comentários