OK
Close

PRESENÇA CONFIRMADA

Fogo Cruzado

08/03/2017-23:52:12 Atualizado em 09/03/2017-00:04:53

O ex-procurador geral de Sumaré Felipe Marques Sarinho confirmou presença na próxima reunião da CEI (Comissão Especial de Inquérito) que apura o contrato entre a prefeitura e a Odebrecht Ambiental, segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa do vereador Willian Souza (PT), presidente da comissão. A concessionária é responsável pelos serviços de água e esgoto no município. O próximo encontro será amanhã, às 14h, no plenário da Câmara.

AUSÊNCIA
Conforme o TODODIA noticiou terça-feira, Sarinho não compareceu à reunião de segunda-feira. Ele era esperado pela comissão para o encontro, mas disse que não recebeu intimação. Conforme consta na nota, por telefone, o advogado garantiu a Souza que irá à próxima reunião. O evento aconteceria na quinta-feira, mas mudou de data porque o ex-procurador geral só poderia participar do encontro na sexta, de acordo com a assessoria do parlamentar.
BOATOS
Moradores do Jardim São Francisco foram cobrar satisfação dos vereadores de Nova Odessa, na sessão de segunda-feira. A indignação aconteceu após boatos de que vereadores da oposição teriam anunciado o fechamento da unidade. Os moradores apontaram os vereadores Cláudio José Schooder (PV), Antonio Alves Teixeira (PT), Tiago Lobo (PCdoB) e Carol Moura (PTN) como os responsáveis de que o local seria fechado. O objetivo seria o de terminar as atividades no local, para onde foi transferido para trabalhar o ex-candidato a vice-prefeito Nivaldo Luis Rodrigues (PV).
REFORMAS
Nesta semana, a parlamentar da oposição Carol Moura informou à imprensa, junto ao médico Nivaldo Rodrigues, que as condições da unidade são precárias. A vereadora da base Carla de Lucena (PSDB) ouviu alguns moradores do bairro durante a sessão e disse que o local passa por obras para melhorar a qualidade de atendimento. "É uma briga política, em que a população está pagando o preço", disse. Os vereadores que queriam o fechamento da unidade ficaram acuados e quietos... mais uma trapalhada do quarteto!!!
LOTÉRICAS
O vereador Antônio Carlos de Souza, o Antônio da Loja (PR), protocolou na Câmara de Santa Bárbara d'Oeste um projeto que prevê que as Casas Lotéricas localizadas na cidade sejam obrigadas a fornecer senhas numéricas e acomodações aos usuários. A proposta estabelece, ainda, que essas instituições deverão efetuar atendimento no prazo máximo de 15 minutos, em dias normais, e de 30 minutos, em dia anterior ou posterior a feriado prolongado, dia de pagamento dos funcionários públicos municipais, estaduais e federais, ou em dias de vencimentos de contas de água, luz ou de pagamento de tributos municipais, estaduais e federais. O descumprimento, caso a iniciativa seja aprovada em plenário e sancionada pelo prefeito, deve sujeitar o infrator desde advertência até multa e cassação de licença do estabelecimento em caso de seguidas reincidências.