OK
Close

Obra será retomada em até 30 dias

Cidades

claudete campos sumaré | 18/03/2017-18:34:01 Atualizado em 18/03/2017-19:25:12
Divulgação
ALCKMIN | Esteve em hospital

Em até um mês serão retomadas as obras do Corredor Metropolitano Noroeste em Nova Odessa, Americana e Santa Bárbara d'Oeste, estimadas em R$ 58 milhões. A previsão foi feita pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), que esteve em Sumaré ontem de manhã.
Nesse pacote de obras estão a conclusão do segundo piso do Terminal Urbano e Metropolitano, na Av. Dr. Antônio Lobo, e o trecho na Avenida Europa, em Americana; as estações de transferências na Avenida São Paulo, em Santa Bárbara d'Oeste, e o Terminal Maria Antônia, em Sumaré.
Segundo Alckmin, o contrato com a nova construtora que executará as obras será assinado em dez dias. O governador informou que o novo trecho licitado tem 24 quilômetros. "O contrato será assinado em dez dias. Em três a quatro semanas, no máximo, já vamos iniciar as obras", informou o tucano. No ano passado, a EMTU (Empresa Metropolitana de Transporte Urbano) rompeu o contrato com a construtora sob alegação de descumprimento na execução dos serviços e abriu nova licitação para dar continuidade às obras.
O prefeito de Sumaré, Luiz Alfredo Dalben (PPS), informou que o traçado do Corredor Metropolitano na cidade ainda está sendo definido em estudo técnico da EMTU. Posteriormente, o estudo será apresentado à prefeitura.