OK
Close

Usina e imigrantes na cidade

Cosmópolis

ANDRÉ ROSSI COSMÓPOLIS | 29/11/2016-01:51:55 Atualizado em 29/11/2016-01:51:51
Acervo pessoal | Adriano da Rocha
DÉCADA DE 1930 | Estação da Sorocabana, antiga Funilense

Com uma forte produção agrícola e riquezas naturais, a região onde hoje é a cidade de Cosmópolis despertava o interesse de várias frentes no final do século 19, tanto de empresários quanto imigrantes. A vinda da Usina Açucareira Ester em 1898 e a imigração alemã marcaram para sempre a história de Cosmópolis, que completa 72 anos de fundação hoje.
Em 1986, segundo o Centro de Memória de Cosmópolis, a área em que hoje é a cidade foi escolhida para receber um projeto para formação de uma colônia da Suíça. Porém, eles não se adaptaram e foram em busca de outras terras.
A Usina Açucareira Ester foi fundada em 1898 pela família Nogueira, e atualmente é a usina açucareira em atividade mais antiga do Brasil. O nome dado à empresa (Ester) é uma homenagem prestada a Esther Nogueira, esposa de Paulo de Almeida Nogueira, um dos fundadores da usina. O local produz açúcar e etanol a partir da cana-de-açúcar, matéria prima abundante no município e na região.
Em 1905 o terminal da Estrada de Ferro Funilense localizado no povoado foi batizado de Cosmópolis. Além da melhoria no quesito transporte, funcionários da estrada de ferro estabeleceram moradia na cidade.
Diferentemente dos suíços, alemães e italianos vieram e se adaptaram à cidade. A presença alemã em Cosmópolis teve sua maior representação no Núcleo Campos Salles, na parte rural da cidade. Naquela região, em 1930, foi construída a "Escola Alemã", um salão de festas que era utilizado pelos imigrantes. Apesar do nome, o local não funcionava como escola, mas recebeu tal "apelido" por conta de uma unidade educacional que funcionava ao lado.
Anualmente, a A.A.E.A. (Associação dos Amigos da Escola Alemã) promove a " Festa Alemã entre Amigos", para manter viva a cultura dos imigrantes que vieram para Cosmópolis desde o final do século retrasado. Este ano foi realizada a sexta edição do evento.
"A fundação da Usina Ester somada à criação do Núcleo colonial Campos Salles e à inauguração da Estrada de Ferro Funilense foram fundamentais para o desenvolvimento econômico da região e para a colonização das terras que um dia se tornaria o município de Cosmópolis", informou o Centro de Memória de Cosmópolis, em nota.
Os primeiros passos para a emancipação de Cosmópolis foram dados em 1938, quando cogitou-se a possibilidade de se conectar o território ao distrito de Artur Nogueira. Porém, a ideia foi rejeitada pela comunidade e pelos líderes políticos da época.
Depois de seis anos, o decreto de lei estadual nº 14.334, de 30 de novembro de 1944, criou oficialmente o município de Cosmópolis. Atualmente, a cidade conta com uma população estimada de 66 mil habitantes e integra a RMC (Região Metropolitana de Campinas).